QUINTA CARTA DA PRESIDÊNCIA AOS LEIGOS DA IELB

Queridos irmãos,

Graça e Paz Naquele que sempre foi, é e será Deus Pai, Deus Filho e Deus Espírito Santo. Na contagem regressiva para o encerramento de nossa gestão que acontecerá no XXII Congresso Nacional da LLLB, o momento nos remete a algumas considerações necessárias a respeito de nosso encontro. Desde que o nosso grupo se propôs a assumir esta gestão, tínhamos como objetivo claro e transparente realizarmos um congresso festivo, pois estaríamos coincidindo com as comemorações dos 500 anos da Reforma Luterana. Juntando isto ao fato da IELB ter iniciado há 117 anos aqui em terras do sul do Brasil, mais especificamente Pelotas, pensamos neste momento como de grande importância.

Nosso encontro nacional e a comemoração “in loco”, isto por si só serve-nos de grande motivação. Comemorar 500 anos de reforma e 117 anos de IELB no local onde esta foi criada, para nós luteranos brasileiros, seria, fazendo-se uma analogia histórica, como poder estar presente em Wittenberg na Alemanha. Não foi sem motivos todos estes acontecimentos. Não podemos esquecer, nem desvalorizar tais acontecimentos e oportunidades. Juntando ainda a tudo isto, estaremos comemorando os 100 anos do Mensageiro Luterano, os 70 da Sociedade Missionária Hora Luterana em terras brasileiras. Estaremos disponibilizando visitação ao Museu da Bíblia, acervo da Sociedade Bíblica do Brasil, que estará exposto a visitação de todos.

Para todos estes acontecimento agregamos um conteúdo bíblico de extrema importância para todo cristão e especial para nós luteranos. Efésios 2 versos de 8 a 10, assim como outros, tem um significado distinto, Justificação e Santificação, dia a dia do povo de Deus. Aceitar e reconhecer o amor Dele através da morte de Seu Filho pelos nossos pecados e nossa resposta a todo este gratuito amor, através de nossa vida santificada, certamente não teríamos melhor tema para meditar, através de duas palestras, com Pastores que poderão fazer-nos pensar muito a respeito. Acho que o momento e o tema se encaixam com grande felicidade. Ainda escutar uma mensagem transmitida pelo nosso primeiro Pastor Conselheiro, pessoa que com suas ações personaliza o trabalho leigo na Igreja e em especial a criação e manutenção deste trabalho através da LLLB, concluirá nossas mensagens/palestras de forma completa.

Tudo isto acima exposto, faz-nos ter a certeza que trilhamos o melhor caminho, que este, guiado por Deus, cumprirá o objetivo do momento. Qualquer outra possibilidade aqui acrescida, porém que descaracterizasse o momento festivo, o local histórico, certamente não se justificaria. Claro que tivemos, e estamos tendo dificuldades maiores em virtude destas decisões, pois Pelotas não possui uma estrutura pronta como em outros locais, estando nós a providenciar, da melhor maneira possível, que todos possam, não só comparecer, mas sentir-se bem em nosso meio, e levar nos corações a lembrança destes poucos dias de convívio.

Juntando história, louvor, testemunho, confraternização desta forma estaremos cumprindo aquilo que é nossa missão como gestores atuais da LLLB. Queremos os irmãos todos aqui e para isto estamos trabalhando, mas entendemos algumas dificuldades, porém o bem maior suplantará com folga os intemperes. Para quem, como nós, quer uma reunião em união, em amor, muito mais importante que algumas dificuldades físicas, estará aqui aproveitando todo o “ingrediente” de nosso Congresso. Descanso e conforto ficam para outros momentos, aqui queremos interação e movimentação, amizade e história, lembranças e saudades. Estamos de braços abertos para receber a todos, certamente com algumas dificuldades e falhas, mas com comprometimento, sabor e amor, Venham conosco desfrutar, pois este momento assim nunca se repetirá, e que ninguém fique de fora.

Até a próxima, pela Diretoria Nacional da LLLB,

Um abraço,

Samuel Antonio Neugebauer

Presidente da LLLB